No dia 19/4, no horário de 9 às 12 horas, no Teatro Zélia Olguin, em Ipatinga, o Projeto Contos Locais promoverá uma oficina gratuita de contação de histórias com Bia Bedran, para os professores da rede municipal de ensino de Belo Oriente e Açucena, que participam do Projeto, bem como da rede municipal de Ipatinga (Informações sobre a participação com a Secretaria de Educação do respectivo município).

A Oficina/Espetáculo "A Arte de Cantar e Contar Histórias" aborda técnicas sobre essa arte milenar, apresentando canções e histórias de Bia Bedran, do folclore brasileiro e de autores ligados à arte, à educação e à música. O trabalho envolve dinâmicas, jogos de expressão corporal e exercícios de sensibilização através da prática do cantar, do ouvir do pensar e do sentir, com um repertório criativo de contos populares, poemas, contos e canções autorais, brinquedos cantados e músicas folclóricas brasileiras. A partir de seu vasto material musical registrado em 8 CDs dedicados à criança, Bia propõe atividades que mexem com o potencial criador do educador, transformando-o num multiplicador que repassa as ideias recriando-as numa nova visão, pessoal e única.

De acordo com a Coordenadora Pedagógica do Projeto, Janaína Dantas, "após os professores participarem da oficina, poderão trabalhar a arte de contação de história com um novo olhar. A partir disso, buscamos estimular a criatividade dos estudantes, incentivando à pesquisa de peculiaridades da cultura regional e seu registro em forma de contos".

No dia 20/4, a oficina de Bia Bedran será ministrada para os professores de Santa Bárbara, no auditório da Secretaria de Educação do município.

CONTOS

O Projeto Contos Locais buscará incentivar adolescentes de Belo Oriente, Açucena e Santa Bárbara à leitura e contação de histórias, entrevistas e redação de contos a partir do registro da memória, ressaltando costumes e personagens do interior de Minas Gerais. O Projeto resultará em um livro de resgate e valorização da cultura local.
A iniciativa é uma realização da MC Produção Ltda., viabilizado pelo Ministério da Cultura, por meio da Lei Federal de Incentivo à cultura - Lei Rouanet, com patrocínio da CENIBRA.

BIA

BEDRAN é Mestre em Ciência da Arte pela UFF (Universidade Federal Fluminense), professora da UERJ, graduada em Musicoterapia e Educação Artística, cantora, compositora, contadora de histórias e escritora. Integrante do Quintal Teatro Infantil de 1973 até início dos anos 80 e do Grupo Musical "Bloco da Palhoça", onde mesclava composições suas com uma profunda pesquisa de ritmos e gêneros musicais do Folclore Brasileiro.

Apresentou os programas "Canta-Conto" e "Lá vem História", TVBrasil/RJ e TV Cultura de S.P., nas décadas de 80 e 90. Com mais de 35 anos de carreira dedicados ao público infantil, Bia Bedran escreveu 10 livros e gravou 8 cds com histórias populares e canções de sua autoria. Também lançou 2 DVDs gravados ao vivo, "Histórias de um João de Barro", uma homenagem aos 100 anos de Braguinha em 2007, e "Cabeça de Vento", em 2010. Nos últimos anos, viaja pelo Brasil participando de eventos culturais e congressos, levando seus espetáculos para diversos palcos em teatros, escolas e praças públicas.